Google cria “Dead Sea Scrolls”, mais textos antigos digitalizados

http://wwwhatsnew.com/wp-content/uploads/2012/12/TLLDSS.jpg

Google, além de nos proporcionar uma série de serviços online, também dedica seus recursos e tecnologias para facilitar o acesso a documentos históricos através de sua digitalização, sendo o último deles a grande coleção de fragmentos de manuscritos bibliográficos, graças ao trabalho realizado junto com a Autoridade de Antigüidades de Israel, onde podemos encontrar antigas cópias do Livro de Deuteronomio, incluindo os Dez Mandamentos, parte do capítulo 1 do Livro de Gênesis, e centenas de textos de mais de 2000 anos de antigüidade centrado na vida e ensinamentos de Jesus.

A coleção digitalizada está disponível em Leon Levy Dead Sea Scrolls Digital Library, a qual conta com mais de 5.000 imagens dos fragmentos dos manuscritos antigos. Nesta página, os manuscritos se podem encontrar tanto imagens a cores como infravermelhas, a 1215 dpi de resolução. Os usuários poderão interagir com as imagens fazendo zoom e passeando por todas as áreas das imagens, podendo ver até as fibras que a compõem e o estado no qual se encontram estes manuscritos. As páginas de informação de cada imagem oferecem detalhes sobre as mesmas, como o fotógrafo responsável, data, tipo de imagem e link a outras da mesma coleção.

Acompanhando os documentos se encontra uma base de dados que oferece informação sobre 900 dos manuscritos. Na seção “Featured Scrolls” é possível um acesso rápido a algumas das obras mais conhecidas, desde Gênesis até Legal Papyrus, permitindo ao usuário o acesso e interação aos mesmos, onde além de poder navegar pelas imagens, também tem a opção de deixar seus próprios comentários.

Google indica que utilizou sua tecnologia para a construção deste arquivo, empregando para isso Google Storage e App Engine, Google Maps, YouTube, e a tecnologia de imagem de Google.

Link: The Leon Levy Dead Sea Scrolls Digital Library