Firefox traz importantes melhorias em sua versão número 18

Firefox 18

Embora sem termos muita consciência, o fato é que nos sentimos mais à vontade com um determinado navegador que com outro, entre outros aspectos, pelo rendimento do mesmo na hora de navegar por sites, principalmente, por aqueles que contém determinados elementos que podem retardar a navegação, fazendo disso uma experiência de usuário negativa. Por sorte, os principais desenvolvedores de navegadores estão fazendo de tudo para atualizá-los, incorporando elementos de última geração tecnológica com um melhor desempenho do rendimento.

Entre os principais desenvolvedores temos o Firefox, o qual acaba de lançar oficialmente sua versão número 18. Entre as mudanças mais importantes cabe destacar a inclusão de seu novo compilador JavaScript IonMonkey, que vem substituir a arquitetura JägerMonkey, a qual espera oferecer um melhor rendimento naquelas páginas com elementos JavaScript pesados.

Outra das mudanças que chegou, com um certo atraso, é a inclusão de seu próprio visor de arquivos PDF nativo, com o qual os usuários podem ver estes arquivos dentro do próprio navegador sem necessidade de sair do mesmo para socorrer aplicativos externos. Além disso, os usuários da plataforma Mac estarão encantados por, finalmente, suportar telas Retina Display. Neste sentido, também se tem tido que eliminar os temas animados tanto para oferecer o suporte para Retina Display como para mostrar um melhor rendimento.

Melhor qualidade de imagem com seu novo algoritmo de escalonamento em HTML, melhorias na hora de iniciar, suporte para o W3C touch events, a possibilidade de desativar conteúdos não seguros sob conexões HTTPS, e outras melhorias, são as novidades para os usuários que optarem por usar Firefox 18 em Windows, Linux e Mac.

Link: Firefox 18