Como funciona o PayPal, o popular sistema de pagamentos online

Estamos começando uma nova categoria em WWWhatsnew.comComo Funciona, ideal para quem está começando neste cada vez mais amplo mundo de projetos web, pessoas que, com frequência, chegam a nossos artigos e não conseguem acompanhar os conteúdos de forma adequada.

Nessa categoria falaremos das características dos principais protagonistas da web atual, e começaremos hoje com um dos maiores: Paypal.

Por quê com a enorme quantidade de produtos e descontos existentes na rede ainda têm quem relute a comprar pela internet? A resposta está nas formas e meios de pagamento e a percepção de segurança dos novos compradores.

Sem dúvida, ao comprar em qualquer dos milhares de estabelecimentos comerciais (lojas, cinemas, restaurantes, etc.) que recebem cartões, se tem a segurança de que o pagamento será efetuado corretamente, mais ainda, será gerado um voucher para confirmá-lo e servir como garantia no caso de inconvenientes. Pois bem, ao comprar pela Internet: Como saber que o site é tão seguro a ponto de enviar os dados de minha conta? Será que o site recebe os cartões de meu país? As comissões serão mais altas? Geralmente, há garantias ao se comprar na rede?

Sim, comprar na Internet é totalmente seguro e PayPal é um dos serviços que fazem pensar que é mais até que muitas lojas físicas, sem falar que é muito mais simples.

O que é PayPal e como funciona

paypal

PayPal, disponível em Paypal.com, é uma forma rápida e segura de pagar, nos milhões de lojas online de todo o mundo que têm habilitado esta forma de pagamento, sem necessidade de fornecer os dados do cartão de crédito ou débito “diretamente” a cada site, só é preciso enviar um endereço de email e uma senha.

PayPal é uma espécie de conta virtual que se recarrega com o saldo (em qualquer moeda) de contas correntes de quase qualquer banco físico. Assim, ao comprar em um site de qualquer país, só é preciso fornecer o endereço de email do PayPal e a senha do PayPal para que seja autorizado o pagamento, o dinheiro será descontado da conta PayPal e isso é tudo, já que se efetuou o pagamento sem necessidade de lhe oferecer os dados do cartão ao vendedor. Resumindo, só tem que oferecer seus dados financeiros para o PayPal, mais nenhum outro site, o que é mais seguro que isso?

Claro, essa não é a única forma de recarregar o saldo em PayPal pois é algo bidirecional, PayPal permite enviar e receber dinheiro da mesma forma. Se vende algum produto ou serviço, por exemplo, para os trabalhos freelance, basta oferecer sua conta do PayPal para receber seu dinheiro. Nem sequer é preciso uma conta bancária para realizar transações com PayPal. Se em vez de recarregar a conta desejar retirar os fundos de forma física, é possível, a qualquer hora, já que não deixa de ser uma conta bancária.

Sua história

historia
Sim, só é preciso oferecer os dados da sua conta ao PayPal, mas quem é PayPal e como confiar meus dados sem ter receio? Pois bem, PayPal é uma companhia dos Estados Unidos com quase quinze anos nesse negócio. PayPal, surgiu como uma ideia para transferir fundos entre PDA’s (as agendas virtuais do passado popularizadas por Palm) já que ao ser tudo digital, seria quase impossível que alguém roubasse os fundos.

Entre mudanças de nome (Confinity, X.com, PayPal), atualizações, convênios com companhias de segurança informática (um dos pilares de PayPal) e a popularidad entre novos usuários que o viam como algo mágico o serviço, -além de se oferecer 10 dólares para se unirem-, se filtrou sua grandeza em eBay (uma das lojas virtuais mais importantes dos USA) ao ponto de que uma altíssima porcentagem dos usuários lhe tinha como o meio de pagamento preferido. Tal foi o carinho da comunidade, que à eBay não lhe restou mais do que lhe adquirir e lhe ter em suas filas desde o ano 2002.

EBay_logo

O resto da história está documentada de forma gráfica em uma seção especial do site de PayPal, embora o resto seja só detalhes de sua expansão como estar presente em 193 mercados com mais de 128 milhões de contas ativas em todo o mundo e 7.6 milhões de dólares por dia circulando em 25 diferentes moedas. Enfim, é um site de confiança.

Como pode ser usado

Com PayPal se pode comprar roupa, sapatos, eletrodomésticos, dispositivos móveis, móveis, pagar hotéis, viagens, comida em restaurantes, serviços freelance, software, domínios e hosting web, acessórios, artigos de beleza, livros, música, apps (só em iTunes pois em Google Play não é possível porquê Google compete com Paypal com seu Google Wallet), artigos da China e quase qualquer produto que pode se tirar uma foto e vender pela Internet. Sendo sempre possível perguntar em qualquer loja se aceitam esse meio de pagamento.

Em que países funciona

paises

São 193 mercados os quais validam seu funcionamento, porém, é preciso ressaltar que em nem todos se pode enviar, receber e retirar dinheiro de contas correntes próprias e este é o principal problema de PayPal: em alguns países se podem os dois primeiros, em outros só o primeiro, em outros os três, em alguns com limitações, etc., enfim, tudo está devidamente explicado em sua lista, por países em que está disponível neste link.

O registro

Só é preciso de uma conta de e-mail e seus dados reais para criar uma conta básica no PayPal (em minutos) e começar a receber dinheiro, sem dúvida, para verificá-la e aumentar a segurança e possibilidades, só falta depois ligá-la a uma conta corrente de qualquer banco brindando os dados do cartão de crédito. A próxima vez que for comprar em uma loja virtual só precisará clicar no botão “Pagar com PayPal”, colocar o endereço de e-mail e, finalmente, a senha de PayPal, nada mais.

Certamente, para enviar e receber é preciso ter uma conta em PayPal, se deseja enviar dinheiro a outro usuário (por exemplo, para pagar por um serviço) basta pedir o e-mail de sua conta de PayPal para realizar o pagamento. Geralmente, se quiser receber dinheiro de qualquer usuário, basta que ele lhe dê seu endereço de e-mail.

enviar dinero

O uso no e-commerce

Se tem uma loja virtual, pense em como seu usuário gostaria de pagar por seus serviços, com um extenso formulário:

pago convencional

ou com uma simples caixa de texto para enviar seu email:

pago paypal
Integrar PayPal a uma loja virtual é tão simples cmo criar uma conta no PayPal (aqui estão as instruções). Claro, pode implementar um serviço simples que com um botão de “Pagar com PayPal” desvie os pagamentos a sua conta pessoal, porém, para obter descontos e receber dinheiro, o recomendável é uma conta empresarial em nome de seu negócio.

Preços

Chegamos, finalmente, ao ponto x da situação, quanto vale tudo isso? Me atrevo a afirmar que é mais barato que realizar transações através de entidades financeiras (por exemplo, transferências bancárias), além de não precisar papéis, não é preciso pagar taxas além de ser realizado em segundos. Vai desde 2% até 5% para vendas, e para compras é gratuito. Há também serviços online que permitem calcular as comissões, porém, para evitar ambigüidades o recomendado é revisar o débito listado de fees ou comissões cobradas por PayPal por seu serviço dependendo do tipo de conta (pessoal ou empresarial) e o país onde se tem a conta já que não é o mesmo, por exemplo, uma transferência pessoal do Brasil à Argentina que receber o dinheiro por um produto comprado em uma loja virtual do mesmo país.