Immersion, ferramenta do MIT que oferece nossa interação com GMail de forma gráfica

Immersion

Nossa interação ao longo do tempo com a caixa de nossa conta do Gmail pode ser um fiel reflexo de nossas próprias vidas, onde podemos ter períodos onde interagimos mais com algumas pessoas, e períodos em que a comunicação com nossos contatos é mínima, entre outros fatores, os quais agora podemos visualizar graficamente através de um mapa interativo graças à nova ferramenta que o MIT lançou na semana passada.

Immersion é o nome da ferramenta, que realiza a representação gráfica baseada nos metadados coletados das contas de GMail. Este movimento é parte de uma tendência mais ampla por mostrar a informação que colocarmos na web de forma visual através de um infográfico interativo. Deve ser levado em conta que durante o lançamento de Immersion, tem sido tanto o tráfego recebido que o mesmo não tem funcionado 100%.

Pois bem, como já dissemos, Immersion oferece um mapa visual interativo das relações que temos com as outras pessoas através das conversas mediante e-mail, diferenciando a comunicação com nossos contatos de e-mail, notificações de redes sociais, etc. Para isso, são levadas em conta aquelas mensagens trocadas com algumas pessoas mais de três vezes, às quais serão chamadas de colaboradores, e aparecerão no mapa visual interativo representados por um círculo cada um, que terá seu tamanho determinado em função do nível de intereção que tivermos com eles.

Além disso, Immersion visualiza o número de mensagens de e-mail enviadas e recebidas dentro de um período de anos, podendo observar como nossos hábitos de comunicação mudaram com o passar dos anos, podendo se observar a inclusão de novas pessoas em nossas vidas, entre outros fatores. Também utiliza diferentes cores para representar as variadas comunidades de pessoas relacionadas conosco. Cada colaborador também irá dispor de suas próprias conexões com outros usuários e grupos.

A mesma ferramenta nos permite acessar às demos, ou conectar de forma segura com nossas contas de GMail, de onde serão obtidos os metadados para realizar a representação visual interativa. Ao sair, porém, teremos a opção de indicar que nossos dados sejam apagados.

Link: Immersion | Via: Mashable