Blackberry será vendido por 4.7 bilhões de dólares

bb

Fairfax Financial Holdings, grupo canadense de investimento que já tinha 10% do BlackBerry, fez uma proposta para comprar BlackBerry por 9 dólares em cada ação, somando um total de 4.7 bilhões de dólares. BlackBerry acaba de aceitar a proposta, por isso que será vendido por esse preço, fechando a compra para 4 de novembro (até esse prazo, no entanto, pode aceitar outras propostas).

Antes da notícia a ação não chegava aos 9 dólares, no gráfico acima é possível ver o efeito que teve este valor.

Depois de informar a demissão de 4.500 empregados antes de terminar o ano, e com perdas de 1 bilhão de dólares, não havia muita saída para a companhia que estava tentando sobreviver ao apogeu de Android e iOS sem êxito.

Comentam em Yahoo finances que Blackberry assinou uma carta de acordo de intenções (“LOI”) onde é detalhado o consórcio Fairfax Financial Holdings adquirirá em efetivo todas as ações em circulação de BlackBerry.

O Conselho de Administração de BlackBerry, por recomendação de um comitê especial da junta diretora, que se formou em agosto de 2013 para revisar as alternativas estratégicas para a compañhia, aprovou os termos da carta de intenções em virtude do qual o consórcio, que está buscando financiamento de BofA Merrill Lynch e BMO Capital Markets, iria adquirir BlackBerry e transformar a empresa privada.

Prem Watsa, presidente e CEO de Fairfax, comentou que acredita que esta transação abrirá um novo e emocionante capítulo privado para BlackBerry, com seus clientes, transportadores e trabalhadores, entregando soluções empresariais de nível superior, saindo, assim, do mercado para consumidor final.

Muito curioso que BlackBerry tenha sido noticia duas vezes no mesmo dia, com o lançamento de BBM e com o fim de toda uma era e o começo de outra.