O novo Spotify grátis e sua expansão na América Latina

Spotify

Na semana passada o The Wall Street Journal já havia adiantado que Spotify estava preparando uma versão gratuita, porém, com publicidade de seu serviço para os dispositivos móveis, e TechCrunch assinalou também que este serviço estaria limitado às listas de reprodução. Pois bem, hoje, em um evento em Nova York, todas as novidades foram reveladas, Spotify mostrou os detalhes deste serviço, que será diferente em função do dispositivo, de forma que os tablets terão acesso à mesma experiencia freemium que os usuários de equipes de desktop, enquanto os usuários de telefones móveis inteligentes irão dispor do serviço Shuffle.

O serviço Shuffle de Spotify seria similar ao de muitas outras companhias de streaming de temas de áudio, com a ressalva de que oferece aos usuários mais controle sobre a lista de reprodução, segundo informa TechCrunch. Além disso, também haverão listas de reprodução oferecidas segundo uma série de fatores, como a época do ano, entre outros. Os limites estarão nas buscas e nas faixas permitidas.

As plataformas móveis que receberão este novo serviço são Android e iOS. De qualquer forma, o serviço gratuito de Spotify para dispositivos móveis será oferecido com anúncios, tal qual o resto dos serviços gratuitos oferecidos. Talvez, o fato de diferenciar o tipo de dispositivo para oferecer um tipo de serviço ou outro tenha a ver com as negociações feitas por Spotify com os diferentes artistas e selos.

Por outro lado, no mesmo evento, Spotify anunciou sua expansão a 20 novos mercados que pertencem a países da Europa, da América do Sul e Central, que também poderão acessar aos novos serviços móveis anunciados hoje. Desta forma, Spotify está presente em 55 mercados a nível global, onde curiosamente em muitos dos novos mercados também está se expandindo outro concorrente, Rdio.