Line permitirá a venda de stickers próprios e prepara um serviço de chamadas mais baratas

line

Parece que Line não para nunca e continua em seu caminho para se converter no rei dos serviços de mensagens: acaba de anunciar um novo Line Creators Market no qual qualquer um poderá vender stickers próprios, começando a aceitar o envio de stickers a partir de abril. O registro será gratuito, e cada 40 stickers valerá aproximadamente 1 dólar, além de 50% dos lucros caso as imagens sejam aprovadas por line.

Segundo comentam em seu blog, a intenção principal de Line inaugurando este mercado não é rentabilizar, mas criar novas ferramentas para serem introduzidas em novos mercados – lembrando que no ano passado 20% dos lucros foram gerados pela venda de stickers.

Por outro lado, Line anuncia também a futura inauguração de um novo serviço de chamadas, que será lançado mês que vem no Japão, México, Espanha, Tailândia e Filipinas. Este serviço permitirá realizar chamadas a não-usuários de Line a preços baixos, muito mais barato que os das operadoras tradicionais.

Enfim, Line continua sendo muito mais que um aplicativo de mensagem tradicional: desde o princípio foi focado também nas mensagens de voz e na gravação e publicação de vídeos, e com estas novas características anunciadas é possível que consiga muitos usuários que antes usavam as chamadas pelo Skype.