Nova patente do Google: câmeras nas lentes de contato

Já pensou poder tirar fotos usando unicamente os olhos? Gravar vídeos e poder mostrá-los na Internet em tempo real em um um simples pestanejar? Aumentar a capacidade de visão das pessoas? Pois é, isso tudo não perece estar muito longe de acontecer, bom pelo menos, se depender da vontade do Google, e tudo leva a crer que dentro de alguns anos, o Google Glass será uma espécie de joguinho de criança.

Bem, é o que podemos deduzir depois de divulgarem a nova patente registrada pelo Google, onde é especificado um dispositivo capaz de capturar imagens (uma câmera) instalada em lentes de contato.

Os detalhes foram mostrados em patentbolt.com, onde destacam as possibilidades de fazer zoom controlando as lentes através de padrões de flash.

Os dados da imagem poderiam ser processados para detectar a luz, cores, padrão de cores, objetos, rostos ou qualquer outra informação adequada que pode ser derivada da transformação de uma ou mais imagens.

Google informa no documento que o circuito de controle está acoplado de forma inalâmbrica ou através de cabo à câmera e ao sensor, sendo possível ter mais de uma câmera na mesma lente. O sensor pode ser qualquer sensor adequado para a captura da energia de forma inalâmbrica ou mecânica (um fotodiodo, um sensor de pressão, um sensor de condutividade, um sensor de temperatura, um sensor de campo elétrico ou um interruptor micromecânico).

Grandes coisas se aproximam: robôs, drones voadores, lentes para super-visão… o futuro com a assinatura do Google.