Imprimir luz apenas misturando mini-leds com tinta

A impressão 3D vem permitindo, nos últimos anos, um mundo de maravilhas até pouco tempo inimagináveis, desde órgãos artificiais até construções arquitetônicas, porém, já se pode perceber que o mundo da “nova impressão” ainda reserva muitas surpresas.

Na empresa Rohinni estão agora trabalhando em um sistema que imprime luz, permitindo criar painéis extremamente finos e flexíveis que podem ser adaptados a qualquer superfície.

Em fastcolabs.com falam sobre esse material, hoje destacado em reddit, como uma mistura de LEDs e tinta em uma mesma capa condutora, capa que se intercala depois entre outras duas capas e se sela. Os pequenos diodos são do tamanho de um glóbulo vermelho, e se dispersam aleatoriamente pelo material. Quando a corrente corre através dos diodos, se iluminam.

Lightpaper, muito mais fina que os painéis OLED, e mais barato, além de ter uma vida de até 20 anos, sendo, portanto, uma ótima solução para iluminação de edifícios, aplicativos para marketing, integração com eletrônicos, etc.

No momento não há experiências reais que já possam ser mostradas em vídeo, mas é possível acompanhar seus avanços no site da empresa, assim como, monitorar lightpaper nas redes sociais.