radiopaedia, milhares de radiografias compartilhadas por médicos

Em 2005 um estudante de medicina começou a enviar anotações à internet, um projeto que agora, 10 anos depois, se transformou em um site que compartilha imagens que podem ajudar milhares de profissionais de todo o mundo.

Estamos falando de Frank Gaillard e de seu peojeto radiopaedia.org, o qual já apresenta mais de 17.000 casos de pacientes com diversos tipos de problemas, comentados e analisados para que possa gerar uma discussão produtiva e construtiva entre todos os interessados, agrupados em mais de 7.000 artigos.

A ideia é simples: organizar o material de radiografias de uma forma nunca feita antes, oferecendo o conteúdo publicamente, embora a coleção seja privada até 2007.

Contam no momento com 2 milhões de visitas únicas por mês, de vários países do mundo, com mais de 300.000 fãs no Facebook e mais de 10.000 seguidores no Twitter.

É possível, por exemplo, encontrar todos os casos relacionados com ferida de bala, ou com uma enfermidade específica, com a possibilidade de se identificar e também poder enviar os próprios textos ou fotos.

Em abc.net.au publicaram um artigo falando sobre o projeto, onde indicam e comentam vários casos curiosos encontrados nessa rede.