Facebook também compartilhará os lucros dos anúncios em seus vídeos

facebook videos sugeridosFacebook vem implementando recentemente em sua app para iPhone, uma característica de exiber vídeos relacionados antes ou dentro da reprodução de um vídeo usual lançado da página de início da rede social.

Pois bem, esses vídeos relacionados poderão se converter em publicidade e lucros gerados, pois são exibidos dentro dos vídeos comuns publicados pelos usuários, sendo compartilhados em uma porcentagem similar ao serviço com o qual Facebook pretende competir de frente: o YouTube. Sendo assim, 55% do que é gerado vai para o criador do vídeo e o restante para o Facebook.

Quanto aos anunciantes, NBA, Hearst, Fox Sports, Funny ou Die e Tastemade são algumas das marcas que se associaram com Facebook neste periodo de teste dos vídeos relacionados onde os custos são imputados às respectivas campanhas publicitárias pagas por tais firmas dentro do Facebook Ads -é provável que em breve se extenda a mais empresas-. Certamente, para diminuir a possibilidade de fraude, sé se pagará se um anúncio for visualizado por mais de 15 segundos, uma opção que já faz dois anos que o Youtube conta -em seu caso, 30 segundos-.

Embora existam milhares de vídeos publicados no Facebook e seja notória sua viralidade, não são poucos os que desistem de publicar ali pelo simples fato de que no YouTube e em outros serviços podem conseguir alguma renda com eles. Com os anúncios nos vídeos sugeridos é claro que o Facebook pretende chamar a atenção de quem envia tais vídeos para que os compartilhem também na rede social.

Enfim, os anúncios começarão a aparecer nos vídeos dentro da app do Facebook para iPhone durante as próximas semanas e para milhões de usuários; para Android e outras plataformas, no entanto, irão demorar ainda alguns meses para aparecer.

Imagem e maiores informações: Revista Variety | Via: Venture Beat