Maps.me já é de código aberto, grande notícia para o mundo dos mapas

captura-14

Maps.me é um projeto de mapas adquirido pela empresa russa Mail.ru em 2014, baseado em dados de OpenStreetMap. Agora anunciam na Global Mobile Internet Conference (GMIC), em San Francisco, que acabaram de liberar o código, ou seja, os desenvolvedores poderão usar sua tecnologia em seus aplicativos.

Entre outras funções, destacam a possibilidade de usar os mapas sem estar conectado a Internet, o que é extremamente importante para as organizações que trabalham em locais pouco mapeados e que sofrem constantemente com desastres naturais ou conflitos políticos.

Então, agora, sendo opensource, com licença Apache 2.0, será possível adaptar os mapas, inclusive, com fins comerciais, para mostrar a informação que se desejar, desde reservas de água em locais violentos, por exemplo, sempre com o acesso offline garantido.

Segundo comentam em TNW, além de permitir aos desenvolvedores integrar e modificar Maps.me, certamente, aumentará também a quantidade de pessoas que começarão a trabalhar como editores de OpenStreetMap, ajudando, assim, a que cada um incorpore os dados de sua região, ampliando a informação ali disponível.

Cresce, assim, uma das maiores e melhores plataformas de código aberto de mapas, criada com o esforço de milhares de pessoas de todo o mundo que colaboraram para torná-la a mais completa possível. Ainda não publicaram o código em seu site, porém, estaremos atentos.