Vila Sésamo pretende financiar startups dedicadas à educação e bem estar infantil

Vila Sésamo

Elmo e todos seus amigos têm boa notícias para os empreendedores com ideias de startups focadas em tecnologias para o desenvolvimento, a educação, a saúde e nutrição infantil: um novo fundo chamado Sesame Ventures com capital de risco para tornar essas ideias uma realidade. O investimento total para um primeiro conjunto de empresas é de 10 milhões de dólares.

Leia também: GOOGLE LANÇA SUA ACELERADORA E BUSCA STARTUPS NO BRASIL

Como detalham no portal FastCompany, por trás de Vila Sésamo (Sesame Street) há uma organização sem fins lucrativos chamada Sesame Workshop que leva o programa há mais de 45 anos. Entendendo as mudanças nos dias de hoje, segundo seu CEO, agora pretendem levar os conteúdos de Vila Sésamo, ou melhor, suas criativas formas de ensino, para o público infantil, por canais como tablets e smartphones, para seguir “impactando” às crianças que utilizam estes dispositivos.

Porém, estão precisando de novas e práticas ideias, sem importar se vêm de startups com fins lucrativos, assim, com Sesame Ventures, planejam impulsioná-las e desenvolvê-las, tanto que até darão assessoramento, direito de usar os personagens de Vila Sésamo e outros recursos de marca populares, visando “ajudar às crianças” sem se importar se as ideias são comerciais.

Leia também: STARTUPTANK, REDE SOCIAL PARA STARTUPS, INVESTIDORES E PRESTADORES DE SERVIÇOS

Porém, Sesame Ventures não estará só, já que a equipe de Sesame Workshop que lhe dá vida, planeja contar com a ajuda de empresas especializadas em venture capital; Sua primeira parceria oficial é Collaborative Fund , que já investiu em startups como Lyft o Kickstarter. 

Mais informação: Portal de Sesame Workshops – FastCompany | Imagem:@SesameStreet en Instagram