Microsoft se associa com Canonical para executar Ubuntu em Windows 10

microsoft

Canonical informou a zdnet que estão trabalhando em um acordo com a Microsoft para que seja possível executar Ubuntu dentro do Windows 10, porém, de uma forma muito mais completa e sofisticada que a usada atualmente executando Bash dentro do sistema operacional da Microsoft.

Leia também: MICROSOFT SQL SERVER JÁ DISPONÍVEL PARA LINUX

Na verdade, não se trataria de ter uma máquina virtual, e sim, de uma parte integrada dentro do Windows 10 para que seja possível executar os dois sistemas operacionais de forma simultânea, algo que conseguiram através de um trabalho em equipe para que não haja nenhum problema de acesso simultâneo aos mesmos recursos desde diferentes sistemas.

Ainda não deram detalhes sobre de como será realizada esta integração, as fontes de Canonical que divulgaram a notícia afirmam que Ubuntu tem que trabalhar com bibliotecas nativas específicas do Windows, por isso que se trataria de uma versão alterada do Ubuntu que conhecemos nos sistemas Linux.

Leia também: MICROSOFT LANÇA APP PARA A CRIAÇÃO DE CATÁLOGOS E FOLHETOS EM ANDROID

O objetivo é oferecer aos desenvolvedores ferramentas para que possam criar programas para Ubuntu usando a plataforma Windows. Não pretendem oferecer esta integração ao público em geral, mas aos usuários programadores que estejam interessados em criar e testar seus trabalhos sem ter que estar trocando de sistema operacional. Tal como comentam no artigo, não se trata de Ms-Linux, se trata de uma estratégia para atrair a comunidade de programadores a um único ambiente.