Google dá adeus definitivamente ao Flash no Chrome

chrome

E aos poucos vamos nos despedindo do formato flash. Google acaba de publicar uma espécie de roteiro para Chrome, mostrando que na versão 53, que será lançada no próximo mes de setembro, desde a qual se começará a bloquear os elementos flash que funcionam em segundo plano em sites para aspectos como as analíticas web, exemplo exposto por Google, explicando que este tipo de flash torna a web mais lenta.

Leia também: SHUMWAY, PROJETO DO FIREFOX PARA EXECUTAR FLASH SEM PRECISAR INSTALÁ-LO

Além disso, também aponta para a versão 55, cujo lançamento está previsto para o mês de dezembro, indicando que a experiência de HTML5 estará disponível por padrão, a exceção dos sites só compatíveis em Flash.

Google reconhece que o formato Flash marcou uma época servindo de suporte para tornar as páginas mais dinâmicas, favorecendo o aparecimento de jogos, de vídeos, e de animações, porém, na web atual, onde existem tecnologias melhores, Flash não tem vez.

Leia também: 3 JOGOS CLÁSSICOS EM HTML5 PARA JOGAR HOJE MESMO!

Neste sentido, defende a tecnologia HTML5 como uma tecnologia que oferece maior segurança, menos consumo de energia e menos tempo de carregamento. Não dá para esquecer o longo histórico de problemas de segurança de Flash, um dos grandes culpados pela má fama entre seus usuários.

Google indica que continua trabalhando estreitamente com Adobe para favorecer a transição à web em HTML5.