Entrevista a Edson Mackeenzy, do Videolog

videologÉ muito difícil encontrar a alguém que não conheça o serviço oferecido pelo videolog, uma das melhores opções para compartilhar vídeos de alta qualidade no Brasil.

Recentemente tive a oportunidade de entrevistar a Edson Mackeenzy, um dos sócios do Videolog, Diretor Executivo do portal, com o objetivo de mostrar para vocês um pouco mais do que tem dentro de este projeto, suas origens e seu plano de crescimento.

– Pode descrever o serviço que o Videolog oferece atualmente no Brasil?

O Videolog é uma empresa que desenvolve soluções de transmissão de vídeo. Hoje é responsável pelo portal Videolog.tv, que é pioneiro no segmento, e o Tivi.tv, um sistema de gerenciamento de conteúdos de vídeo para TV Corporativa.

– Como surgiu a idéia?

Surgiu com a idéia de otimização de processos e economia de materiais. O Videolog.tv entrou no ar em Maio de 2004 e atende empresas como UOL, Paramount, Sony e Locaweb, entre outras. O Tivi é um produto que entrou no ar há pouco mais de dois meses e já possui propostas em muitos lugares.

– Como começou? quantas pessoas tem na equipe do Videolog?

O inicio de toda empresa pequena é difícil, mas com muita dedicação. O primeiro time tinha quatro pessoas e agora tem 15. Não acreditamos que uma quantidade gigante de pessoas faça a diferença em nosso negócio, já tivemos mais de 25 pessoas e o trabalho hoje anda muito melhor.

– Qual foi a evolução do Videolog desde sua criação em termos de número de clientes, receita e parcerias?

O Videolog saiu do “zero a 100” em dois anos. Foi quando conseguimos recuperar todo o investimento. Hoje nossa empresa cresce a taxa de 35% ao ano em volume de faturamento e audiência. Só em 2008 exibimos mais de 60 milhões de videos.

– Qual são os objetivos de 2009?

Este ano vamos reforçar nossas estratégias de internacionalização, nossa empresa participou de eventos fora do país e já encontramos um parceiro estratégico para atacar em outras terras.

– Existe algum plano de crescimento internacional definido?

Sim, hoje temos uma representação na Argentina que irá se espalhar por todos os países de língua latina a partir de uma filial em um país estratégico.

Ficaremos atentos à evolução do Videolog e desejamos o mesmo sucesso que já teve no Brasil nos demais países.