Como usamos as mídias sociais quando tem uma emergência [infográfico]

Todos sabemos que a web social está sendo uma das protagonistas nas emergências e quando tem alguma crise política ou desastre natural.

A característica exponencial da divulgação nas redes sociais permite obter ajuda e informação a uma velocidade que os médios tradicionais não conseguem igualar, o que é importante analisar com calma.

Assim o acreditam em instituições como American Red Cross ou the Congressional Management Foundation e é mostrado em um infográfico que, criado pelo CreditLoan, é publicado hoje no mashable.

Como podem ver, um 44% das pessoas usariam redes em caso de emergência, comparado com um 52% que usaria SMS. 69% acreditam que os centros de emergência deveriam monitorar as redes em busca de pessoas solicitando ajuda.

Atualmente tem 500 páginas no Facebook dedicadas ao gerenciamento de emergências, ainda que no Twitter os números são bem maiores, com mais de 1.200.000 agências de emerência CDC na rede.

Aqui tem os dados:


Clique para ampliar