Um tipo de letra para memorizarmos melhor os textos

Sans-Forgetica

Ler mais de duas vezes um mesmo texto por não conseguir memorizar pontos importantes é comum no dia a dia, principalmente entre alunos.

Foram realizados estudos importantes sobre o assunto, existem técnicas de memorização dos mais diversos tipos, mas é a primeira vez que vemos que o esforço está concentrado no tipo de letra utilizada.

Leia também: UMA APP PARA INCLUIR LETRAS NO MUNDO REAL (REALIDADE AUMENTADA)

É isso que designers de Melbourne têm feito, associados a cientistas de comportamento da RMIT University, para projetar uma fonte que podemos usar para memorizar melhor o que lemos.

Se chama “Sans Forgetica”, e é mais difícil de ler que as outras. Esta dificuldade faz com que os leitores tenham que se esforçar muito mais, e este esforço extra faz com que o cérebro realize um processamento mais profundo.

Como podemos ver acima, a fonte é legível, porém, está cortada. Foram eliminados fragmentos das letras, e o esforço da leitura, que só é uma fração de segundo superior às outras fontes, acaba valendo à pena.

Leia também: 3 FORMAS DE IDENTIFICAR UM TIPO DE LETRA

Para testar foram usados 400 estudantes universitários, e foi encontrado um pequeno aumento na retenção de memória ao ler textos em “Sans Forgetica” em comparação com Arial: os que liam “Sans Forgetica” lembravam 57 por cento do texto, e só 50 por cento quando liam em Arial.

A fonte está disponível de forma gratuita neste link.