Kaizala, ferramenta de comunicação profissional da Microsoft, expande globalmente

MicrosoftKaizala
Kaizala é uma plataforma de comunicação profissional móvel projetada para conectar todos os envolvidos na cadeia de produtividade, contornando as barreiras das próprias organizações para contatar parceiros, fornecedores, clientes e outros envolvidos, sendo flexível o suficiente para ajustar-se aos esquemas hierárquicos de cada organização.

Esta plataforma nasceu como um projeto da Microsoft Garage e focou, inicialmente, no mercado indiano. Mas, desde o início do mês, esta plataforma já está disponível a nível global, atingindo um total de 28 mercados, por enquanto, a versão Pro é incluído como parte comercial do Office 365 sem nenhum custo adicional, embora seja também possível usar a versão Pro de forma independente para o qual é preciso pagar US $ 1,50 por usuário por mês.

Leia também: MICROSOFT LANÇA UMA APP DE GESTÃO DE GASTOS COMERCIAIS PARA IOS

Existe, também, uma versão gratuita que não possui vários recursos existentes na versão Pro, incluindo ferramentas avançadas para gerenciamento de grupo, análise e relatórios, entre outros.

Kaizala só está disponível como aplicativo móvel para as plataformas Android e iOS, e pode ser adquirido através dos respectivos mercados de aplicativos de forma gratuita. Microsoft destaca que dispõe de um simples sistema de registro baseado no próprio número de telefone.

Embora existam muitas opções de mensagens que podem ser usadas no mundo dos negócios, a opção da Microsoft garante privacidade e segurança para dados de ambientes de negócios. É claro que ainda é uma ferramenta de produtividade mais voltada para empresas e que, de certa forma, pode sobrepor os benefícios disponíveis em outras ferramentas.

Leia também: MICROSOFT ENTRA NO SEGMENTO DA TRANSMISSÃO DE JOGOS PELA INTERNET COM PROJECT XCLOUD

Os interessados ​​podem conhecer mais informações sobre essa ferramenta de comunicação profissional, ainda bastante desconhecida para a grande maioria, através do próprio portal de Kaizala.