Facebook anuncia nova tecnologia para detectar imagens íntimas não-consensuais

womens_safety
Facebook vem trabalhando intensamente para que os usuários não sejam surpreendidos com imagens íntimas não-consensuais, as quais podem ter sérias consequências para as vítimas, tanto física como emocionalmente, tanto a nível pessoal, como a nível profissional.

Assim, a empresa pretende facilitar ferramentas e informações necessárias de uma forma muito mais acessível e clara para que possam saber como lidar com esse possível problema.

Leia também: FACEBOOK STORIES AGORA PERMITE COMPARTILHAR EVENTOS

Em primeiro lugar, anunciou que está melhorando suas ferramentas de relatórios para facilitar seu uso, impedindo um atraso em todo esse processo, oferecendo respostas mais claras, rápidas e diretas em cada caso.

Em segundo lugar, Facebook conta com um novo sistema de detecção baseado na Inteligência Artificial focado na detecção proativa de imagens de pessoas nuas ou semi-nuas compartilhadas no Facebook e Instagram sem o consentimento das mesmas.

Estes conteúdos serão marcados e disponibilizados para revisão. No caso de violarem os padrões da comunidade, eles eliminarão o conteúdo e, até mesmo, suspenderão as contas de onde o conteúdo foi publicado.

No entanto, poderão contar com um processo de apelação para as contas suspensas para possíveis casos de suspensões incorretas. A ideia é detectar esse tipo de conteúdo antes que alguém venha denunciá-lo e, assim, impedir a propagação.

Por outro lado, sua anterior iniciativa, em fase de programa piloto, que havia recebido muitas críticas, já que se baseava no fato de que os mesmos usuários que poderiam ser potenciais vítimas, tinham que enviar suas imagens privadas para a plataforma para que saibam que tipo de imagens devem bloquear, irá se expandir ao longo dos próximos meses para novos países.

Leia também: FACEBOOK FINALMENTE LANÇARÁ SUA FERRAMENTA PARA APAGAR O HISTÓRICO

E, em terceiro lugar, chega ao centro de segurança uma nova página chamada Não sem meu Consentimento, onde se oferecerá toda a informação que as vítimas devem saber no caso de passarem por esse problema.