Ferramenta mostra como as pessoas percebem as cores de um site


Desenhar uma página web, ou um site, é um processo em que, embora a funcionalidade represente uma parte importante, a estética também é um aspecto a levar em conta, como as cores, ao projetar a presença na web, e até poder diferenciar das demais páginas que oferecem o mesmo produto ou serviço.

Nesse sentido, as cores de um site podem atuar a favor ou contra o propósito de chamar a atenção dos visitantes e obter os leads de que precisamos para posicionar nosso site nos resultados de forma eficaz.

Por isso que criaram Who Can Use, uma ferramenta desenvolvida com o objetivo de verificar a forma como o espectro de cores de um site é percebido pelas pessoas que o visitam.

A ferramenta oferece uma avaliação sobre o quão adequada, ou não, a combinação de cores do seu site pode ser, acompanhada por uma simulação onde você pode ver como essas cores são vistas por diferentes grupos de pessoas.

A iniciativa desta ferramenta reside no fato de, embora 68% das pessoas percebam as cores de uma mesma forma, as restantes têm dificuldade em perceber tons como o vermelho, o verde ou o azul, abrangendo, assim, anomalias cromáticas além do daltonismo.

Todos esses problemas são explicados em Who Can Use, acompanhados de valores correspondentes à porcentagem de pessoas que sofrem com eles em relação ao total da população mundial, com contribuições de associações especializadas como a Vision Australia .

Who Can Use também oferece a possibilidade de simular a percepção de um site a partir de outros problemas visuais, como perda parcial da visão, catarata ou glaucoma, sendo que, nesse caso, as pessoas podem exigir que os textos presentes no site sejam maiores ou tenham mais contraste para melhorar a legibilidade.