A criptomoeda do Facebook pode virar realidade em janeiro


No ano passado Facebook já havia anunciado que estava trabalhando em seu próprio projeto de criptomoeda global, chamado Libra, porém, a estrada até aqui foi repleta de inconvenientes, desde a saída dos sócios da Libra Association até as diferentes abordagens, que pretendiam fazer de Libra uma criptomoeda estável com um valor estável, ao contrário do que ocorre atualmente com criptomoedas como o Bitcoin, que sofre flutuações contínuas em seu valor.

Assim, inicialmente pretendiam que seu valor se baseasse na combinação de múltiplas moedas reais, para posteriormente decidirem lançar várias moedas com valores estáveis ​​baseados em uma moeda real única.

Mas, como nenhuma dessas abordagens convenceu, a Libra Association deu uma guinada e resolveu mudar completamente sua abordagem, propondo o lançamento de uma moeda de valor estável usando o dólar como base, conforme publicado agora pelo Financial Times .

Como podemos ver, o projeto de Libra teve que reduzir suas ambições ao longo do tempo para finalmente poder avançar e entrar oficialmente em funcionamento e, quando isso acontecer, o Facebook começará oficialmente a lançar sua própria carteira digital, que no final de maio passado foi rebatizada de Novi.  

Novi será integrado aos dois aplicativos de mensagens do Facebook, tanto no Messenger quanto no WhatsApp, para que os usuários possam gerenciar seus tokens, bem como fazer e receber pagamentos com outros usuários.

Espera-se que a moeda estável do Facebook possa finalmente começar a funcionar em janeiro do próximo ano, caso não ocorra outro revés que leve a mais atrasos e novas mudanças de foco.

Se tiver sucesso, vale ficar atento aos movimentos que os diferentes sócios que compõem a Libra Association farão para promover o uso da moeda digital entre os respectivos clientes de seus serviços.

Crédito da imagem: Novi