Google Pay já permite transferências internacionais


Existem muitas pessoas em todo o mundo trabalhando longe de suas famílias, em um outro país, e precisam enviar dinheiro constantemente. Estima-se que cerca de US $ 700 bilhões sejam enviados para amigos e familiares em seus países de origem.

Google afirma que, de acordo com um estudo recente da Mastercard, 73% das pessoas enviam dinheiro regularmente para o exterior, e essa porcentagem vem aumentando devido à pandemia.

O fato é que o Google Pay está começando a aceitar pagamentos internacionais, primeiramente, com usuários do Google Pay nos Estados Unidos, que precisam enviar dinheiro para usuários do Google Pay na Índia e Cingapura.

Para tornar isso possível, se integraram com a Western Union e a Wise, e comentam que antes do final do ano essa iniciativa se expandirá, e poderá se enviar dinheiro para pessoas em mais de 200 países e territórios através da Western Union e para mais de 80 países através da Sensato.

Para isso, só precisamos encontrar o usuário do Google Pay para o qual queremos enviar dinheiro, clicar em “Pagar” e selecionar Western Union ou Wise. Depois, basta seguir o passo a passo.

Até 16 de junho, o Western Union oferecerá transferências gratuitas ilimitadas ao enviar dinheiro com o Google Pay, e Wise fará a primeira transferência gratuita para novos clientes em transferências de até US $ 500.

As transferências internacionais estão se tornando mais fáceis, algo importante em um mundo globalizado e com o trabalho remoto cada vez mais comum. O pagamento de altas taxas de transferência é algo de que nos lembraremos intensamente no futuro, quando certamente seremos capazes de enviar e receber dinheiro de forma simples e econômica com o apertar de um botão em qualquer sistema de mensagens.