Microsoft Teams já possui proteção contra links maliciosos


Com a ascensão do modelo de trabalho híbrido e a continuidade do modelo de trabalho remoto, a Microsoft quer garantir que os usuários do Teams continuem a colaborar com segurança, então, agora oferece um novo recurso de segurança para tentar evitar que os usuários sejam vítimas de ataques de roubo de identidade.

Se trata de Safe Link, o recurso de segurança que já estava presente no Microsoft Defender for Office 365 desde 2015 e que depois de ser estendido para outros aplicativos de produtividade da empresa, agora chega ao Microsoft Teams de forma generalizada para analisar os links que os usuários clicam nas conversas, chats em grupo e canais, para a busca proativa de conteúdo potencialmente perigoso por meio de seu sofisticado sistema de detecção.

Na Microsoft, entendem a necessidade de analisar links na hora de pressioná-los devido à evolução das técnicas utilizadas pelos atacantes, chegando a ponto de inicialmente oferecer links benignos que posteriormente conduzem os usuários a sites maliciosos.

Quanto ao seu funcionamento, basta clicar em um link para proceder à verificação de segurança, para que o acesso ao site em questão seja impedido, no caso de ser detectado que o link é malicioso, embora o usuário possa ignorar o aviso e entrar de qualquer maneira e continuar acessando.

Links Seguros são os recursos de segurança mais recentes que chegam ao Teams para promover a colaboração segura e agora estão disponíveis para todos os clientes que usam o Microsoft Teams e o Microsoft Defender for Office 365.

Dessa forma, e dada a sofisticação dos links maliciosos, os usuários agora terão um nível adicional de proteção para evitar serem vítimas de roubo de identidade.

Claro, também é possível que os administradores das organizações estabeleçam a configuração para que os usuários não possam clicar nas URLs originais, sendo mais restritivos.

Quem se interessar, poderá saber mais detalhes na página oficial do anúncio .

Crédito da imagem: Microsoft