Paint contará com modo escuro no Windows 11


Foi em 1985 que o mundo conheceu o Paint, um famoso aplicativo da Microsoft integrado ao Windows desde sua primeira versão.

Objeto de mudanças importantes ao longo de sua história e mesmo arriscando seu desaparecimento em algum momento, esta ferramenta de desenho chegará ao Windows 11 com mudanças interessantes em sua nova versão, destacando a inclusão de um modo escuro para sua interface.

Um dos aspectos que o Windows busca corrigir em sua nova versão é a consistência gráfica entre seus aplicativos. Embora alguns aplicativos herdados de edições anteriores do sistema operacional possam ser facilmente identificados como tal, o Paint passou por modificações importantes, como a inclusão da interface da ribbon, que apresenta um menu distribuído por janelas, como em outros aplicativos da Microsoft, como o Suite de Office.

Panos Panay, gerente de produto da Microsoft, apresentou um primeiro olhar sobre o novo design do Paint por meio de sua conta no Twitter. Por meio de um breve vídeo, algumas das melhorias implementadas foram reveladas. Durante esses 18 segundos, podemos ver um novo seletor de fontes e pincéis, além da incorporação de um modo escuro para sua interface.

Embora na aparência a interface não esteja longe do que conhecemos até agora no Windows 10, as ferramentas parecem muito mais acessíveis agora, com um seletor rápido que mostra todos os diferentes pincéis disponíveis e a aparência de seus traços. Quanto à ferramenta de fonte, ela agora está disponível no Paint como uma janela flutuante, proporcionando fácil acesso às configurações de tamanho, alinhamento, formatação e tipografia para uma caixa de texto recém-exibida.

A atualização se concentra mais do que qualquer coisa em uma adaptação da interface deste aplicativo clássico à estética da nova versão de seu sistema operacional matriz. Nenhum novo recurso foi incorporado, mas ainda assim esta parece ser a mudança mais significativa implementada com a adição da interface com abas em sua versão para Windows 7 e edições posteriores.

Poderemos continuar a contar com esta aplicação no futuro, cuja versão renovada chegará com o Windows 11, mais de três décadas após a sua primeira edição, então limitada a gráficos monocromáticos de 1 bit.

A nova versão do Paint para Windows 11 pode ser testada com antecedência, por meio do programa Windows Insider. No entanto, até o momento nenhuma data foi anunciada para o lançamento do aplicativo por meio desse canal.

As tentativas da Microsoft em 2017 de descontinuar o Paint, logo rejeitadas devido ao clamor dos usuários, revelaram o apreço popular por esta ferramenta simples, que serviu para despertar o artista oculto de muitas pessoas e até trouxe à tona mais de algumas pessoas com certas dificuldades gráficas.