Twitter tomará medidas especiais para combater desinformação


O Twitter anunciou que implementará uma nova política para combater a desinformação durante uma crise global.

Tendo em conta a rapidez com que a informação é partilhada nestas situações, serão tomadas uma série de medidas para que a plataforma não dê visibilidade a informações falsas.

Quando acontece, por exemplo, um desastre natural, um conflito armado ou uma emergência de saúde pública, muitas vezes recorremos ao Twitter para obter informações, além de qualquer meio de comunicação confiável.

A equipe do Twitter sabe disso e quer que a plataforma seja confiável ao buscar informações sobre temas tão importantes. E para isso, está implementando uma “política de desinformação de crise”.

Essa política garante que uma série de medidas sejam tomadas para combater a desinformação e garantir a disponibilidade de informações confiáveis. Embora o Twitter já tenha um sistema de moderação, quando essas situações surgem, as conversas acontecem rapidamente e são difíceis de controlar.

Para evitar isso, uma das medidas que tomarão será reduzir a visibilidade dos tweets que compartilham informações falsas e a interação será limitada:

[…] assim que tivermos evidências de que uma reivindicação pode ser enganosa, não ampliaremos ou recomendaremos o conteúdo coberto por esta política no Twitter, inclusive na linha do tempo Home, Search and Explore.

E, por outro lado, um aviso será adicionado a esses tweets. Ou seja, o tweet não será excluído, mas ficará oculto atrás do aviso. Se o usuário insistir em ver o tweet, ele terá que clicar em “Visualizar” para exibir o conteúdo. É uma dinâmica semelhante à implementada quando um conteúdo sensível é compartilhado em um tweet.

Como podemos ver na imagem, o aviso terá uma mensagem como esta:

Este tweet violou as regras do Twitter sobre o compartilhamento de informações falsas ou enganosas que poderiam causar danos às populações afetadas pela crise. No entanto, para preservar esse conteúdo para fins de responsabilidade, o Twitter determinou que esse tweet permaneça disponível.

A equipe do Twitter menciona que dará atenção especial a contas de alto perfil, como contas de políticos, emissoras de televisão filiadas ao estado, instituições governamentais, entre outras.