Facebook oferece uma nova maneira de ganhar dinheiro com vídeos


Meta anunciou uma nova iniciativa para os criadores ganharem dinheiro com os vídeos que compartilham no Facebook.

A proposta é que possam monetizar seus vídeos usando músicas licenciadas. E, claro, os artistas com os direitos musicais correspondentes também terão lucros com este sistema.

Music Revenue Sharing é o novo recurso anunciado pela Meta que permitirá que os criadores usem músicas licenciadas em vídeos que enviam para o Facebook e obtenham receita com elas.

O Music Revenue Sharing é desenvolvido pelo Rights Manager, uma ferramenta de correspondência de vídeo, áudio e imagem que desenvolvemos para ajudar os proprietários de conteúdo a proteger seus direitos e gerenciar seu conteúdo em escala.

É claro que os criadores terão que cumprir uma série de requisitos para aproveitar a dinâmica desse recurso. Por exemplo, precisam atender às políticas de monetização para serem qualificados para usar anúncios in-stream em vídeos.

Por outro lado, o vídeo deve durar pelo menos 60 segundos e ter um componente visual que indique seu objetivo, para que não se torne uma simples desculpa para rentabilizar vídeos com música licenciada.

Um detalhe a ter em mente é que a música escolhida deve ter sido aprovada para monetização, portanto, deve fazer parte da biblioteca de Músicas licenciadas. Uma biblioteca que você encontrará dentro do Estúdio de Criação, como você vê na imagem acima.

Conforme explicado pela equipe do Facebook, o criador receberá 20% da participação nos vídeos e o restante corresponderá aos detentores dos direitos musicais e ao Meta. Um fato que você pode acompanhar na seção de anúncios in-stream no Estúdio de Criação.

Embora esse novo recurso já esteja começando a ser implementado globalmente, a monetização começará com anúncios in-stream nos EUA. E um último detalhe é que esse sistema será aplicado apenas a vídeos qualificados.