Netflix começará a cobrar taxas adicionais para contas compartilhadas


A equipe da Netflix confirmou que as novas medidas para encerrar as contas compartilhadas começarão a ser implementadas em 2023.

Medidas que visam oferecer diferentes alternativas aos usuários para compartilhar contas legalmente. 

Nos últimos meses já vimos todas as medidas que a Netflix planeja implementar para encerrar as contas compartilhadas. Ou seja, aquelas contas da Netflix que são compartilhadas com o vizinho, o tio, o amigo ou quem não mora na mesma casa.

Segundo a equipe da Netflix, a partir de 2023 começará a implementar todas as medidas mencionadas. Por exemplo, uma das dinâmicas que serão aplicadas é cobrar uma taxa extra do titular da conta para cada usuário adicional que não atenda ao requisito de morar sob o mesmo teto.

Portanto, se você quiser, por exemplo, compartilhar sua conta Netflix com seus amigos, terá que pagar uma taxa adicional por cada usuário ou “membro extra”. Ou seja, haverá a conta principal e uma espécie de subconta para cada usuário adicional.

No momento, a Netflix não mencionou quanto o titular da conta adicional terá que pagar, portanto, teremos que aguardar atualizações futuras para conhecer essas informações. Por outro lado, a Netflix já implementou uma nova função dentro do app caso o proprietário não queira mais compartilhar a conta com outros usuários.

Para que os demais não percam todas as informações de seus perfis, a Netflix propõe que usem «Transferir seu perfil». Uma nova ferramenta que permite transferir seu perfil Netflix para uma nova conta. Essa opção, permite levar todo o seu histórico de visualizações, recomendações e lista de conteúdo para assistir mais tarde na nova conta Netflix. Um processo que exigirá apenas algumas etapas.

E não podemos esquecer outra das estratégias que a Netflix começará a implementar em novembro em alguns mercados: a assinatura com publicidade. Uma opção para aqueles usuários que buscam uma proposta mais barata que os planos atuais da Netflix.