Insync – Converte sua conta do Google Docs em uma alternativa a DropBox

http://wwwhatsnew.com/wp-content/uploads/2011/12/insync.jpg

Insync é uma companhia asiática cujo serviço permite converter qualquer conta do Google em um sistema de alojamento de arquivos no qual podemos sincronizar e compartilhar arquivos de todo tipo, embora esteja mais focado nos documentos do Google Docs.

Desta maneira nós poderemos baixar e instalar um aplicativo em nosso sistema (Windows, Mac), no qual será criado uma pasta que servirá para a sincronização dos documentos, com todos aqueles documentos que tenhamos armazenado no Google Docs, permitindo-nos desde o mesmo aplicativo as notificações sobre as modificações realizadas nos documentos em que estamos trabalhando de maneira colaborativa.

A Ferramenta É gratuita, e o único custo dependerá dos planos de armazenamento que tenhamos em nossas contas do Google. Via web podemos acessar também aos arquivos que temos disponíveis, e mais adiante, teremos um feed de atualizações dos documentos.

3 alternativas a DropBox para ter nossos arquivos alojados de forma segura na nuvem

Ultimamente DropBox tem sido o protagonista entre as novidades tecnológicas, e em alguns casos devido aos problemas de segurança que se apresentaram na prestação de seu serviço, por isso estão buscando outras alternativas que em princípio garantirão uma melhor segurança de seu serviço para que neles possam guardar seus arquivos mais importantes de maneira segura.

As 3 alternativas a DropBox que iremos mostrar hoje são:

SpiderOak


http://wwwhatsnew.com/wp-content/uploads/2011/12/spideroak.jpg

SpiderOak é um serviço de armazenamento online seguro de arquivos que oferece 2 GB de armazenamento gratuito, ampliável mediante convite a amigos até chegar aos 50GB. A nível de segurança, SpiderOak gera chaves com senhas. Uma das vantagens de SpiderOak é que nem mesmo a equipe responsável pelo serviço poderá acessar aos arquivos.

Nem mesmo dispõe de uma capa própria de sincronização mas poderemos indicar aquelas capas do sistema que se deseja usar, realizando os backups de arquivos dentro das categorias mais comuns, embora também se poderão personalizar estas categorias.

A realização das cópias de segurança e de sincronização são funções separadas, já que se pode fazer uma cópia de segurança sem sincronização, se fará um backup dos arquivos online sem sincronizar com outras equipes.

Wuala

http://wwwhatsnew.com/wp-content/uploads/2011/12/Wala.jpg

Wala é outro conhecido serviço de armazenamento online de arquivos que oferece 2 GB de espaço que podem ser ampliados até 5 GB pelas correspondentes convites, recebendo 250 MB de espaço extra por cada amigo. Pertencente a Lacie, Wala também cifra as senhas a nivel local e não as envia pela Internet.

Quando se instala Wala em uma equipe, aparecerá uma unidade de rede que atuará de forma similar à capa de DropBox. Seu aplicativo de escritório permite gerenciar os arquivos dentro de sua própria unidade, embora também pode ser configurado para que sejam sincronizados outras pastas do sistema.

TeamDrive

http://wwwhatsnew.com/wp-content/uploads/2011/12/TeamDrive.jpg

O funcionamento deste serviço é diferente, já que sua orientação é mais focada na colaboração de maneira segura, embora também se possa usar para criar backups dos arquivos. Só temos que criar “espaços”, que são as pastas usadas para a sincronização dos arquivos entre diferentes equipes. Cada espaço se armazena na Internet de forma cifrada, e só as equipes convidadas poderão descifrar e acessar a seus conteúdos. Só oferece 2 GB de maneira gratuita sem opção de ampliação mediante convites, só mediante pagamento.

Dropbox está testando a importação de fotos e vídeos em sua versão em desenvolvimento

Quando tiramos fotografias e tomadas de vídeos, é interessante termos um respaldo dos mesmos na nuvem. Pois bem, de maneira experimental, Dropbox está testando uma nova versão de seu aplicativo para Windows o qual nos permitirá subir tanto as fotografias quanto os vídeos de maneira automática bastando apenas conectar nossa câmera digital, nosso telefone móvel ou inclusive inserir nosso cartão de memória.

Esta opção está disponível apenas para a versão 1.3.4 para Windows, não estando portanto disponível para Mac OS 10.4 ou Linux, e muito menos funcionará com todos os dispositivos. Em Mac OS 10.5 é possível importar automaticamente sempre e quando se registrarem os dispositivos em modo apenas leitura. Para os usuários de Android, temos que por nosso smartphone em modo “conectar como unidade de disco”, não funcionando com outros sistemas de sincronização como o próprio de HTC, HTC Sync.

imgbox – Um serviço de hospedagem de imagens com galerias, criação de miniaturas, inserção em webs…

Os serviços dedicados a armazenar imagens têm que oferecer hoje muito mais do que faziam antes. Encontrar um nicho em um mercado tão dominado por monstros como imageshack.us não é fácil, mas se imgur o conseguiu, por quê não o vai conseguir imgbox?.

Se trata de um aplicativo que oferece espaço ilimitado para que possamos guardar nossas imagens classificadas em categorias, com opção de criar miniaturas de forma automática durante o processo, selecionando se queremos mudar o tamanho ou recortar a original.

Uma vez subida, com um limite de 10 megas por arquivo, podemos incluí-la em nosso blog, tanto a foto como a galeria, assim como divulgá-la mediante uma url única.

Um serviço interessante que, como a grande maioria, só se destacará se começar a usar de forma massiva.

Pogoplug – 5 GB de espaço gratuito para usuários de terminais móveis

Pogoplug vem aos poucos aumentando suas funcionalidades e agora dá mais um grande passo ao incorporar o armazenamento gratuito de 5 GB voltado aos usuários de dispositivos móveis, tanto para Android como iOS.

Porém, os usuários de terminais móveis terão que baixar o aplicativo através do seu navegador, e assim poder desfrutar os 5 GB de armazenamento online, podendo acessar tanto através de conexiones 3G, WIfi ou ambas, segundo configurarmos no aplicativo.

Talvez não seja uma marca conhecida nem tenha uma interface tão desejada como as grandes companhias, porém é mais uma opção a se levar em conta para guardar e compartilhar nossos arquivos, tanto em sua forma gratuita quanto nas outras tarifadas.

Minus – Atualizações de ferramentas para iPhone, Chrome e Firefox

Por aqui já falamos de Minus, um genial e completo serviço que nos permite armazenamento online e compartilhar nossos próprios documentos. E não param de chegar novidades, como as atualizações de suas ferramentas nessas últimas semanas, precisamente o aplicativo para iPhone, a extensão para Google Chrome e o complemento para Firefox.

Centrados na versão para iPhone, a partir de agora podemos subir e assistir vídeos nos formatos MP4, MOV y M4V, previsualizar documentos (TXT, Excel, Word, PDF), estilo visual renovado, diversos reparos e otimização para iOS5.

Sem dúvida, um aplicativo mais que recomendável.

Bitcasa – Nova solução de armazenamento na nuvem com espaço ilimitado


Pouco a pouco vamos tendo mais soluções online na hora de escolhermos um serviço para armazenar nossos dados importantes. E agora mais um surge, Bitcasa, que no momento se encontra em fase Beta fechada (mas podem ser solicitados convites através desse link).

Pelo que sabemos até agora, se trata de um serviço de armazenamento de dados para ser usado em nossos sistemas de desktop, tanto em computadores como em equipamentos portáteis, para dispormos de um respaldo de nossos dados mais importantes em casos de catástrofe no nosso sistema, já que sabemos que os discos rígidos podem nos trazer algumas surpresas. Para isso nos oferecem espaço ilimitado para podermos armazenar nossos dados de uma maneira mais segura, na qual nossos dados serão criptografados. Bitcasa criptografa os dados antes de serem enviados para a nuvem.

A diferença de Dropbox é que não necessita disco rígido, já que não ha sincronização. Toda a web será nosso disco rígido, permitindo compartilhar os arquivos com outras pessoas de forma fácil. Bitcasa copiará os arquivos bit a bit, byte a byte, sem guardar o ficheiro em si, somente a sequência da informação digital, sem dar muitos detalhes sobre como realizará essa operação.

Em techcrunch inclusive incentivam a guardarmos em Bitcasa informação que não possa ser rastreada. Se alguém chega aos servidores de Bitcasa não encontrará nada, somente um montão de “1″ e “0″ dispersos, que somente serão ordenados quando o cliente solicitar. Tudo por apenas $ 10 por mês.