10 razões pelas quais The Old Reader pode ser a melhor alternativa a Google Reader

Se ainda não está está convencido sobre qual é a melhor alternativa à Google Reader, apresentaremos agora mais uma opção, que vem causando grande entusiasmo por ser muito parecida com Google Reader: The Old Reader. Não requer nem instalação e já trabalham com aplicativos móveis. Veremos aqui seus pontos fortes, embora o principal seja mesmo o fato de ser muito parecido com Google Reader, especialmente no terceiro ponto da lista.

1. É possível importar seus feeds e pastas desde Google Reader

importar reader
Depois do login com sua conta do Google ou do Facebook já é possível começar a adicionar suas assinaturas manualmente ou carregando o arquivo XML gerado por Google Reader em seu processo de exportação de feeds. O único problema é que a importação não é instantânea e pode demorar inclusive vários dias dependendo da quantidade de fontes, embora valha a pena pois até as pastas são mantidas. A causa: o aumento exponencial do número de usuários.

2. A interface é uma cópia de Google Reader

interfaz clon
Seus fundadores deixam claro na página inicial e na entrevista com WWWhat’s new: como muitos usuários simplesmente sentiam a falta no “velho Google Reader” de várias de suas funcionalidades que foram recentemente desaparecendo, por exemplo, a de compartilhar artigos com amigos. Assim, criaram um clone do Google Reader que habilita de novo essas funções e mantém a interface quase que 100%, o que será muito bem aceito por quem ainda não assimilou muito bem a perda do velho GR e a poderá, assim, contar com uma opção bem parecida ao leitor do Google.

3. Famosas funções de Google Reader: compartilhar e seguir usuários para ver seus artigos compartilhados

3 compartir
A função característica de The Old Reader e que nunca devia ter sido eliminada de Google Reader é a de oferecer o botão Compartilhar ao final de cada artigo, em um espaço a modo de perfil, com outros contatos cujos perfis e artigos compartilhados também podem ser seguidos facilmente.

4. Múltiplas redes sociais para compartilhar e guardar artigos

4 compartir
Abaixo dos artigos aparecem links de cor azul para compartilhar posts em determinadas redes sociais, por exemplo, o de AddThis! a qual permitirá inclusive entrar em uma nova aba para compartilhar e salvar artigos. O único problema é que os links azuis não aparecem em todas as fontes já que dependem de cada uma delas -certamente será solucionado com um botão social que seus criadores adicionam-.

5. Dois modos rápidos de visualização de artigos

5 visualizacion
Bastante útil são seus dois modos únicos de visualização dos títulos dos artigos, em forma de lista como se fazia com Google Reader ou visualizar todo seu conteúdo. Há um botão na parte acima à direita para trocar o modo de visualização.

6. Atalhos de teclado similares aos do Google Reader

6 atajos de teclado
Tecla N ou tecla J para passar ao seguinte post, tecla K ou tecla P para se dirigir à anterior, tecla O para abri-los em uma nova janela, tecla S para compartilhar um elemento e tecla L para “Curtir” e agregar o artigo aos preferidos, são alguns dos muitos atalhos de teclado disponíveis em The Old Reader. A lista se encontra na seção “Tour” cujo título aparece ao clicar sobre o nome do usuário na parte superior direita.

7. Importante integração com Pocket

7 pocket
É tal a integração com Pocket, o serviço para guardar artigos para lê-los depois (devidamente organizados), que além de lhe permitir um botão ao final de todos os artigos, o aplicativo lhe dedica um atalho de teclado exclusivo: a tecla “F”. Para isso é preciso conectar a conta e habilitá-la desde Configuración (clicar sobre seu nome de usuário na parte superior direita para chegar ao painel de configuração).

8. Conta com extensões de notificações para Chrome e Safari

8 extensiones
Uma extensão de notificações para ver o número de artigos não lidos desde a barra superior do navegador e simultaneamente um acesso direto a The Old Reader. Resta esperar a do Mozilla Firefox.

9. Organização de pastas: arrastar e soltar fontes, duplo clique para renomea-las

renombrar feeds
Embora Google Reader permite arrastar e soltar fontes para mudá-las de pastas, uma vantagem de The Old Reader é que permite renomeá-las apenas com um duplo clique em seu nome.

10. Seu ícone de “Carregando” é um Pac-Man

pacman
Uma bola que muda de cores aparece ao dar scroll em Google Reader ou enquanto o aplicativo carrega novos artigos para serem mostrados. Pois bem, em The Old Reader quem nos distrairá será Pac-Man, o popular personagem que aparecerá no centro da tela.

One Comment