Steve Ballmer não será mais o CEO da Microsoft

steveÉ a notícia do dia, a saída do Steve Ballmer, CEO da Microsoft, anunciada por ele mesmo e comentada como “o momento adequado para a saída”. Ele deixará de ser CEO durante os próximos 12 meses.

Ainda não sabemos quem será o novo CEO, embora haja uma equipe já concentrada para o assunto, o comitê, como não poderia ser de outra forma, inclui Bill Gates. As ações da empresa subiram 7% com a notícia, parece que o mercado gostou da saída deste personagem, amado por muitos e odiado por outros, que está desde 1980 na empresa.

O mercado de PCs caiu com o sucesso dos tablets, assim, também caiu o mundo Windows, e apesar de a Microsoft ter tentando entrar nesse mundo, não tem ido tão bem como Google, com Android ou Apple, com iOS.

Surface não teve o sucesso esperado, o Windows 8, também não, embora o problema pode não ter sido a visão de negócio de Ballmer, que tem sido CEO desde 2000, e sim à sua falta de reflexos. Não é bom estar atrasado para um mundo competitivo e se você vem, é melhor fazê-lo sendo o melhor, de longe, tanto em qualidade como em possibilidades oferecidas pelo produto.

Além do post pessoal, que foi divulgado anteriormente, podem ler a nota oficial no microsoft.com.

E não podemos terminar sem ver alguns vídeos dos “melhores momentos” de Ballmer. Desfrutem:





E o melhor, vendendo Windows 1.0