A impressora 3D que pode construir uma casa em 24 horas

contour

Quando já estávamos achando que nada mais poderia nos surpreender ainda em termos de tecnologia…nos deparamos com a seguinte notícia: a Universidade da Califórnia do Sul está testando uma impressora 3D gigante que é capaz de, nada mais e nada menos, construir uma casa em apenas 24 horas.

Pois é, a tal impressora 3D, projetada pelo professor Behrokh Khoshnevis, trabalha com a tecnologia Contour Crafting a qual consiste em um robô gigante que vai expulsando cimento pouco a pouco, construindo, finalmente, uma casa, casa que corresponde a um desenho realizado pelo computador.

Isso nos leva a pensar nos limites da tecnologia, se é que existem, e o que ela pode ainda conseguir fazer, sem dúvida, é um grande caminho que se abre: barateando os custos de construção de uma casa, podendo ser utilizado em regiões que sofreram desastre natural, construindo edificações de emergência… imagine poder ter contado com uma ferramenta assim em casos como o do tufão nas Filipinas, no qual 600.000 pessoas perderam suas casas. Pois uma das primeiras aplicações potenciais que se pensou para Contour Crafting foi, justamente, na construção de casas de qualidade para pessoas que não podem contar com abrigo.

Seu funcionamento consiste em utilizar diferentes ferramentas de construção, unidas ao robô gigante que irá imprimindo o objeto resultante e que irão construindo segundo o desenho, um objeto em três dimensões. Será necessário dispor de um terreno limpo e plano para que a máquina possa se mover e, assim, possa ir usando as ferramentas necessárias para começar e terminar a construção. Visto que cada construção corresponde a um desenho diferente, nem todas as casas criadas pelo robô seriam iguais, já que responderiam aos diferentes modelos e desenhos feitos pelo computador.

Agora só falta realizar esse pequeno grande passo para levar esta ideia ao mundo real. Khoshnevis se mostra seguro de seu projeto e, partindo do princípio de que seu Contour Crafting foi premiado como um dos 25 melhores inventos de 2006, continua testando seu projeto com diferentes robôs, materiais, cerâmicas e ferramentas para fazer com que a impressão de edifícios com robôs se converta em algo real e acessível.

Bem, pra fechar, nada melhor que uma reflexão do próprio criador Khoshnevis: “se olharmos a nossa volta, quase tudo hoje é criado de forma automática: seus sapatos, sua roupa, seu carro… a única coisa que continua sendo construída à mão são os edifícios”.

Quem ficou curioso e quiser ver um vídeo com o funcionamento dessa tecnologia entre aqui.