Jovens Brasileiros ajudam a NASA a desenvolver um app

nasa

Por meio de um projeto financiado pelo Fundo Social Europeu e gerido pelo governo Galês, cujo objetivo é preparar jovens de origem imigrante para o mercado de trabalho, desenvolvendo sua autoconfiança, competências técnicas e sociais, além de facilitar seu acesso a oportunidades, jovens brasileiros, residentes no Sul do País de Gales no Reino Unido, ajudaram a Agência Governamental Norte Americana NASA a desenvolver um app.

Na verdade, Rafael Gonçalves e Samanta Tomczack, de um grupo de 10 jovens, testaram o app Space Place Prime da NASA para iOS, identificando áreas positivas e negativas, sugerindou áreas para aperfeiçoar, agradando de tal forma a NASA que a mesma usou a informação fornecida pelos jovens para desenvolver outros apps que promovem o trabalho da NASA e o interesse pela ciência, tecnologia, engenharia e matemática (STEM – Science, Technology, Engineering Maths).

E assim, com Space Place, agora as crianças ganharam um lugar super interessante para brincar enquanto aprendem sobre algumas das missões mais emocionantes da NASA, para estudar as galáxias, estrelas, buracos negros, planetas, asteróides, cometas, luas e nossa bela Terra. O app possui jogos interativos, desenhos animados, projetos hands-on e curiosidades para aliciar as crianças em idade escolar, mas também seus pais e professores poderão saber mais sobre o espaço e a Terra, ciência e tecnologia. E, claro, como não poderia deixar de ser, o app ganhou uma página no Facebook, onde todos poderão postar comentários.

Segundo Mirco Cordeiro, Senior Development Officer e Embaixador de STEM, esse projeto mostra que se desafiarmos os jovens – estes se encontram em uma das áreas mais carentes de Gales – e lhes dermos uma oportunidade, eles agarram-na com as duas mãos e mostram-nos avidamente o valor que podem acrescentar à sociedade.

O app estará disponível em breve no site http://spaceplace.nasa.gov/