Foxconn substitui 60.000 empregados por robôs

foxconn

Já falamos por aqui de Foxconn, a importante multinacional taiwanesa encarregada pela fabricação de produtos tecnológicos de empresas do calibre da Apple ou Samsung, entre muitas outras. Nas últimas horas, no entanto, uma notícia pegou pegou muitos de surpresa: a Foxconn anunciou que sustituiu 60.000 empregados por robôs.

Leia também: TWITTER LANÇA SEU PORTAL DE NOTÍCIAS “MOMENTS”

Apesar de explicarem que estão trabalhando para automatizar grande parte de suas operações, a empresa negou que isso signifique menos postos de trabalho para as pessoas. No lugar disso, explicaram que pretendem utilizar máquinas para realizar aquelas tarefas muito repetitivas realizadas até o momento por alguns empregados da empresa.

Assim, Foxconn explica que seus empregados poderão se concentrar em outro tipo de tarefa mais importante, como o I+D ou o controle de qualidade. Ainda assim, não deixa de ser curiosa a substituição de 60.000 trabalhadores por máquinas.

Leia também: FACEBOOK LANÇA SIGNAL, NOVA PLATAFORMA DE FONTE DE NOTÍCIAS

Tal como indicam alguns economistas, essa automatização dos empregos deverá afetar o mercado de trabalho futuramente. Mais especificamente, um estudo de Deloitte em colaboração com a Universidade de Oxford indica que 35% dos postos de trabalho atuais poderão ser afetados nos próximos 20 anos.

Fonte: South China Morning Post | BBC.