Google permite denunciar conteúdo falso diretamente do buscador

google

E os grandes meios continuam na luta contra a epidemia de notícias falsas, apresentando constantemente novos recursos para ajudar nessa árdua tarefa, embora a maioria deles dependa da colaboração dos leitores, já que até o momento nenhum sistema de inteligência artificial ainda é capaz de determinar se uma notícia é verdadeira ou falsa só lendo o conteúdo.

E vem do Google uma nova estratégia nesse sentido, com ajustes na forma em que funciona a sua famosa Busca. O objetivo é evitar que sejam mostrados conteúdos relacionados falsos, para isso implementaram melhorias técnicas na forma como funciona o ranking de busca e ferramentas para que os usuários possam dar seu feedback sobre o que estão lendo.

Leia também: PERFIL FALSO NA WIKIPÉDIA ENGANOU DOCUMENTÁRIOS, SENTENÇAS JURÍDICAS E TRABALHOS ACADÊMICOS

Vale saber que em cerca de 0,25 porcento dos casos, Google devolve informação falsa em seu buscador, e embora pareça uma porcentagem pequena, representa milhões de buscas diárias. O feedback, como mostra a imagem acima, ajuda o usuário a indicar ao Google se o conteúdo não é verdadeiro, embora não afete a posição no buscador, avisa aos moderadores para que os mesmos realizem as devidas mudanças.

Segundo o blog do Google (onde explicam em detalhes as mudanças realizadas) também implantaram sistemas que empurram conteúdos de baixa qualidade para baixo, embora não se saiba como funcionam internamente.

Leia também: FACEBOOK MUDA POLÍTICA RELACIONADA AO USO DE NOMES FALSOS

Estas mudanças também se aplicam às sugestões do Autocomplete, de forma que se colocarmos “quem pintou a Mona lisa” não aparecerá nenhum pintor diferente de Leonardo da Vinci no próprio campo de busca.