Entrevista Skoob – Viviane Lordello

skoob

Tive a oportunidade de entrevistar a Viviane Lordello, da equipe do Skoob, uma rede social onde os membros podem informar o que estão lendo fazendo sugestões e críticas dos títulos inseridos pelos próprios usuários.

– Me fale dos números gerais do Skoob.

Atualmente, o Skoob já conta com 12.748 usuários e 17.413 livros cadastrados. 11.000 visitas únicas e 324.000 pageviews mensais.

– Quantas pessoas tem na equipe do Skoob hoje?

Oficialmente hoje temos 4 pessoas trabalhando no Skoob, dizemos oficialmente porque existem muitas pessoas que nos procuram querendo colaborar com o projeto e permitimos que colaborem sempre que possível.

– Quais são seus objetivos a curto prazo?

A curto prazo temos 2 objetivos claros, o primeiro é aprimorar o Skoob em suas funcionalidades atuais e adicionar várias outras que foram solicitadas pelos usuários. O segundo objetivo é fechar as parcerias que estamos negociando atualmente, elas irão trazer benefícios aos nossos usuários e maior rentabilidade ao projeto.

– Tem previsão de criar versões em outros países?

Na verdade não pensávamos em disponibilizar o Skoob em outros países, até porque ele foi feito exatamente pensando no público brasileiro e aos moldes do gosto do brasileiro. Mas já tivemos contatos de algumas pessoas e até editoras de Portugal que elogiaram bastante o projeto, inclusive pedindo que o Skoob fosse disponibilizado naquele país. Sendo assim essa poderá ser uma das frentes que iremos abraçar.

– Como vem a Internet brasileira e sua evolução nos próximos anos?

Hoje – o Brasil é servido de ótimos programadores, designers e empreendedores, a Internet é um campo fértil para se conseguir ótimas oportunidades quando se junta essas três habilidades. Talvez, o maior problema por aqui seja a falta de apoio que permita o crescimento das boas idéias, principalmente quando o assunto é infra-estrutura, não é raro ver nossos empreendedores irem buscar soluções externas para seus negócios.


Futuro – Tentar prever o que vai acontecer à Internet é uma coisa perigosa, a mudança é muito freqüente e constante neste meio. Mas arriscamos algumas tendências.

1 – O crescimento das redes sociais de nicho, sendo criadas e utilizadas para os mais diversos mercados e áreas.
2 – Migração de diversos sites e serviços para RIA (Rich Internet Applications)
3 – Sites e sistemas mais adaptados para Mobile.

É claro que dentro destas mudanças irão ocorrer várias outras, mas acreditamos que estas sejam a ponta da lança nas próximas tendências da Internet.

Podem acompanhar as novidades de este excelente projeto no blog oficial: www.koob.com.br

Para ler mais entrevistas aos protagonistas da Internet Brasileira acessem ao endereço: br.wwwhatsnew.com/categoria/entrevistas/.

One Comment