Algumas dicas para manter uma conta profissional no Twitter

Muito já comentei sobre Twitter, sobre como pode ser usado, sobre suas possibilidades… inclusive vocês tem um livro (PDF gratuito) que publiquei em 2009 sobre o tema (em espanhol) dando uma visão da rede, para quem começa e para quem quer conhecer algumas aplicações originais desta rede de conteúdo.

Depois de muito tempo gerenciando várias contas de Twitter, profissionais e pessoais, quero compartilhar com vocês algumas coisas que aprendi com o tempo. Espero que alguma delas lhes sejam úteis.

– Se gerenciam uma conta do Twitter de uma publicação online, tentem que os textos sejam publicados com um prazo de mais de 45 minutos entre eles. No caso contrário a linha de tempo dos seus seguidores pode ser preenchida com suas notícias, dando a sensação de um monopólio de espaço que ninguém gosta.

– Uma conta do Twitter de uma publicação, que mistura notícias com mensagens pessoais aos seguidores, pode gerar um volume de informação excessivo, estressando aos que lêem as notícias e não estão interessados nas respostas pessoais que são escritas. Uma solução poderia ser a de criar duas contas diferentes, uma para informar e outra para responder mensagens e enviar textos de outra ordem de relevância (semelhante ao que eu faço com as contas do @wwwhatsnew – apenas notícias – e @juandiegopolo – respostas e mensagens pessoais).

Usem o buscador do Twitter para encontrar possíveis clientes. No search.twitter.com temos a possibilidade de filtrar mensagens de pessoas. Se alguém publica um texto “preciso hospedagem no Recife” e gerenciamos a conta de um hotel da área, seria um erro perder a oportunidade de oferecer um serviço solicitado. Não confundir com as ofertas de produtos não solicitados, isso seria spam…

Visitem o perfil dos usuários antes de responder uma pergunta. Se recebemos uma pergunta de uma pessoa, temos que responder em 140 caracteres da melhor forma possível. Conhecendo o perfil de quem pergunta, poderemos configurar a resposta de forma mais efetiva e pessoal.

– Tenham sempre pronto um formulário na web onde os usuários possam realizar perguntas com mais detalhes. Muitas vezes é necessário indicar a url de um formulário mais completo para que os clientes possam explicar melhor seu problema ou necessidade (muito difícil de fazer no espaço disponível pelo Twitter).

Não transformem Twitter num chat. É muito fácil cair na tentação de continuar uma conversa com um cliente pelo Twitter, mas o fluxo de mensagens podem incomodar aos outros seguidores. Criem salas de chat para casos particulares, aqui já lhes falei de algumas opções.

Bom, já sei que a maioria segue a lógica de qualquer rede social, mas as vezes é importante lembrar que o que escrevemos no Twitter pode ser lido por TODOS os seguidores.