Amazon luta pelo domínio .amazon, desejado por vários países

amazon

Quando um gigante do comércio eletrônico tem o nome de uma selva imensa, certamente, surgem problemas na hora de registrar nomes.

A Amazon não teve facilidade de chegar onde chegou, e agora é hora de enfrentar outra batalha, desta vez com oito países sul-americanos que possuem partes da floresta amazônica.

Leia também: AMAZON SHOWROOM, A NOVA FERRAMENTA DE COMPRA VIRTUAL DE MÓVEIS DA AMAZON

Segundo NYT, o nome do domínio “.amazon” é o mais desejado no setor. A Amazon.com poderia usar o nome para continuar crescendo, mas os países não querem que esse nome seja associado ao comércio eletrônico e sim a algo muito maior: uma maravilha do nosso planeta.

Em 2012 Amazon.com solicitou usar .amazon ante a Icann, porém, Brasil e Perú protestaram. Depois foi a Colômbia, Equador, Bolívia, Venezuela, Guiana e Suriname, que também decidiram registrar queixa para evitar esse registro.

Amazon.com também solicitou .shop, .game, .mobile, .free e muitos outros nomes, porém, não é a única empresa privada a pedir esse tipo de domínio. A fabricante de roupa esportiva Patagonia, Inc. solicitou .patagonia, porém, retirou o pedido depois que Chile e Argentina se opuseram.

Leia também:FLICKMETRIX, PARA FILTRAR O MELHOR DO NETFLIX E AMAZON PRIME

Pelo visto, a solução não está em uma remuneração econômica aos países, e é difícil que os países façam uma contra proposta conjunta a Amazon.com, por isso, quando acabar o prazo, o ICANN que terá que se pronunciar r tomar a decisão.