Adobe AI pode detectar rostos modificados com o Photoshop

Adobe juntamente com uma equipe da UC Berkeley, desenvolveu uma rede neural capaz de identificar rostos modificados com o Photoshop.

Especificamente, foram baseados em alterações feitas com a função Liquify, que permite modificar os recursos do rosto de uma pessoa. Eles treinaram o AI para detectar essas mudanças e reverter a imagem para o estado original.

Utilizaram milhares de imagens, levando em conta a original e a modificando, para que a IA aprenda a identificar as mudanças feitas. Os resultados foram surpreendentes, já que atingiu um nível de precisão de 99% na detecção de alterações nas imagens manipuladas contra o trabalho de uma equipe humana que não ultrapassou 53% de sucesso.

Leia também: TOURBOX, PARA FACILITAR A FORMA DE TRABALHAR COM PHOTOSHOP

A ideia é que a ferramenta ajude a verificar a veracidade de conteúdos em meio a tantas falsificações de notícias, deepfakes e muitas outras práticas que circulam pelas redes sociais para viralizar falsas notícias.

Tal como mencionam Richard Zhang e Gavin Miller, equipe de Adobe, esta IA ainda se encontra em suas primeiras fases de desenvolvimento, porém, é um início encorajador.

Leia também: 25 ATALHOS PARA APRENDER A USAR O PHOTOSHOP DE FORMA MAIS RÁPIDA

A ideia de um botão mágico para “desfazer” para reverter as edições da imagem ainda está longe da realidade. […] Além de tecnologias como essa, a melhor defesa será um público sofisticado que saiba que o conteúdo pode ser manipulado, muitas vezes para encantar, mas às vezes para enganá-lo.

Com o tempo, quem sabe? Pode até se tornar uma ferramenta poderosa para a análise forense de imagens digitais.