Firefox apresenta versão que só carrega sites com HTTPS


Muitos dos sites que visitamos diariamente já são HTTPS, mas existem milhões que ainda não possuem nenhum certificado de segurança, e esses terão que se apressar se quiserem continuar a ter algum tipo de visibilidade na web.

Além de perder posições no Google, sites sem HTTPS agora enfrentam outro problema: o Firefox pode deixar de exibi-los, já que a nova versão 83 tem um modo “apenas HTTPS”.

O Firefox 83 tentará carregar todos os sites por HTTPS ou exibir uma mensagem de erro em sites que suportam apenas o protocolo HTTP, mas por padrão o novo recurso será desabilitado. Será possível ativá-lo a partir da página Opções do Firefox, na seção Privacidade e segurança, e a seguir procurando a configuração “modo HTTPS apenas”.

Segundo a Mozilla, o novo recurso funciona ao tentar encontrar a versão HTTPS de qualquer site, mesmo que o usuário tenha acessado o site digitando ou clicando em um link HTTP.

Se o Firefox não puder atualizar automaticamente um site para uma conexão HTTPS, o navegador exibirá um erro para o usuário e solicitará que ele clique em um botão para confirmar se deseja acessar um site por meio de uma conexão HTTP anterior.

No novo recurso, conforme explicado no support.mozilla.org, o modo apenas HTTPS também pode ser ativado ou desativado clicando no ícone de cadeado na barra de endereço e selecionando-o no painel suspenso que aparece.

Mozilla acredita que HTTPS será o estado de navegação padrão no futuro, então esse recurso, em teoria, não fará muito sentido em alguns anos. No momento, portanto, ele funciona como uma espécie de pressão sobre quem ainda não instalou o certificado.