Google Maps testa layout mais simples para ajudar a planejar rotas


A equipe do Google está testando um novo design para simplificar a forma como as opções de rota são exibidas no Google Maps.

O Google Maps no Android possui muitas funções e informações para planejar uma viagem levando em consideração diferentes rotas. No entanto, às vezes, muitas informações podem ser irrelevantes para o usuário e até mesmo confusas.

Para facilitar esse processo, o Google Maps está apresentando uma nova interface em modo de teste com um design mais minimalista, conforme mencionado em Xda Developers.

A nova interface se concentra nos dados básicos e mais importantes da solicitação do usuário: a localização atual e o ponto de destino, como podemos ver na imagem.

Todos os meios de transporte disponíveis não são mais exibidos na parte superior junto com o tempo estimado de viagem. Talvez o Google considere que essas informações serão solicitadas posteriormente pelo usuário, levando em consideração o seu meio de transporte.

E, claro, o usuário pode ver todas essas informações no mapa e procurar outras opções para personalizar alguns detalhes. Por exemplo, se você deseja evitar pedágios, engarrafamentos, etc. Talvez seja uma mudança que os usuários apreciem, já que serão capazes de ver as informações relevantes conforme solicitam esses dados.

E, por outro lado, não sobrecarrega os novos usuários com muitas opções quando eles simplesmente desejam chegar a um determinado destino. 

Lembre-se de que esta não é a única mudança que o Google Maps está testando e que oferece novas formas de exibir rotas e pontos de interesse. Alguns dias atrás, mencionamos que o Google Maps estava implementando uma nova visualização para Street View, que permite que você veja os panoramas enquanto ainda exibe a localização no mapa em uma tela dividida. Uma opção que podemos usar de acordo com nossas preferências, já que a mudança para tela inteira depende apenas de um toque.

No momento, a nova interface do Google parece estar em teste, então, não sabemos ainda se ela será implementada para todos os usuários.