Chrome expandirá o bloqueio de anúncios intrusivos em todo o mundo em julho

Coalition-for-Better-Ads_Better-Ads-Standards
Google, como membro da Coalition for Better Ads (Coligação para melhores anúncios), tal como haviam anunciado, começou com os bloqueios de anúncios definidos como intrusivos em sites, desde o final do ano passado em toda a América do Norte e Europa, não sem antes informar os administradores dos sites afetados que eles têm 30 dias para corrigir as anomalias detectadas e ajustar a experiência de publicidade aos padrões estabelecidos pela Coligação acima mencionada.

Agora, a coligação vai trazer seus padrões para todos, a equipe Chrome também se juntou a esta iniciativa e anunciou que o bloqueio de anúncios intrusivos irá expandir para o resto do mundo a partir de 09 de julho.

Leia também: FACEBOOK COMEÇA A TESTAR ANÚNCIOS NOS RESULTADOS DE PESQUISA

Isto significa que se sites, em qualquer lugar no mundo, oferecerem repetidamente alguns dos tipos definidos como anúncios intrusivos, os mesmos serão bloqueados pelo Chrome, usando a mesma mecânica de aviso prévio aos administradores para remediarem as anomalias publicitárias.

Coalition for Better Ads determinou um total de 12 tipos de anúncios como intrusivos que prejudicam a experiência dos usuários, tanto de computadores quanto de dispositivos móveis, incluindo anúncios pop-up, anúncios com reprodução automática de vídeos com som, anúncios adesivos de grande porte, entre outros.

Leia também: YOUTUBE COMEÇA A TRANSMITIR FILMES GRATUITOS COM ANÚNCIOS

Segundo o Google, desde 1º de janeiro deste ano, dois terços dos administradores de sites cujos sites não atendiam aos padrões agora estão “em situação regular”, com apenas menos de 1% dos anúncios bloqueados até agora.